A SOLUÇÃO COMPLETA PARA A SUA OBRA!

Tudo Que Você Precisa Saber Sobre O Cimento Queimado

Revestimentos 20 agosto 2022
living room interior with cabinet for tv in cement room with concrete wall 2

Versátil e moderno, o cimento queimado tem sido muito utilizado na decoração nos últimos anos. Especialmente porque esse revestimento oferece aos ambientes uma aparência elegante e rústica ao mesmo tempo, sendo ideal para criar espaços com decór vintage ou industrial, por exemplo. 

Além dessas vantagens, esse material oferece, ainda, um excelente custo-benefício. Por isso, se você está pensando em apostar nessa tendência, mas tem dúvidas sobre a aplicação dele, continue a leitura!

 O que é cimento queimado? 

Ao contrário do que o nome possa parecer, usar esse material não envolve colocar fogo em nada. Ele é, na prática, uma argamassa que mistura cimento, areia e água. Depois de aplicada sobre a superfície desejada — seja uma parede, lastro ou piso — é que ocorre a “queima”. 

Esse processo consiste em “jogar” pó de cimento sobre a massa ainda fresca e espalhá-la até que fique com o aspecto nivelado. Então, é só esperar secar e voilá: está tudo pronto!

Vale lembrar que, normalmente, a base para o cimento queimado pode ser encontrada em misturas prontas e que ele não deve ser aplicado sobre outros tipos de revestimento.

Quais os tipos de cimento queimado? 

Você sabia que além do tradicional cinza, o cimento queimado também pode ter outras cores? É isso mesmo! 

Quem deseja fugir do estilo industrial e rústico, pode aplicar apostar no cimento branco. A única diferença desse tipo é que é preciso usar pó de mármore ou granito. Isso confere à superfície um tom mais claro e um efeito mesclado.

Esse revestimento também pode ser colorido e, para isso, basta usar pigmentos diferentes. É possível ousar e aplicar cores vibrantes como o azul e ou deixá-lo ainda mais escuro, usando tonalidades como preto e chumbo.

Para que a superfície fique neutra e sem brilho, uma dica é lavá-la com água e sabão de coco. Para que o material adquira brilho, é preciso aplicar um produto de proteção como uma resina ou um verniz.

Onde o cimento queimado pode ser usado? 

O cimento queimado está entre os materiais que ajudam a economizar em sua obra. Afinal, como já dito, ele oferece excelente custo benefício para quem está construindo ou reformando um ambiente.

Mais do que isso, ele possui diversas aplicações, sendo extremamente versátil! Veja a seguir onde esse revestimento pode ser usado: 

Em pisos

Seja para criar um piso claro ou escuro, o cimento é uma ótima opção, já que ajuda a causar o efeito de “ambiente amplo”. 

Quando aplicado nessa superfície, o revestimento garante fácil manutenção e limpeza, bem como excelente durabilidade. Nesse sentido, o material pode ser colocado em cômodos da sua residência como:

  • no banheiro;
  • na cozinha;
  • na sala;
  • nos quartos;
  • e escritório.

Em paredes 

Essa é uma das aplicações mais tradicionais desse revestimento. Ela vem ganhando espaço por ser uma opção mais em conta do que papéis de parede, por exemplo. 

Assim como quando aplicado em pisos, esse material possui grande durabilidade. O mais legal é que ele pode ser usado, sim, em áreas molhadas em geral, como dentro do box do banheiro ou na sacada. 

Nesses casos é fundamental investir na impermeabilização dessa área, fechando os poros do concreto, evitando que ele absorva água. 

Em bancadas

Se você quer inovar e trazer um item diferenciado para sua área gourmet ou para sua cozinha, saiba que uma boa opção é investir em bancadas com esse revestimento, que pode substituir as de granitos.

Com isso seu ambiente terá um ar super moderno, que pode ser combinado com diferentes estilos de decoração. 

Quais problemas podem surgir no cimento queimado?

Além de estar por dentro de onde ele pode ser usado, os tipos existentes e o que é esse revestimento, é preciso atentar-se aos problemas que podem surgir se sua aplicação não for feita corretamente. 

Especialmente porque isso pode significar diminuição da durabilidade do material e novas aplicações, que vão gerar custos para você. Os pontos mais frequentes são:

  • trincas, que acontecem quando existe uma dilatação no material; 
  • acabamento desprendendo, que pode ocorrer em situações em que o pó não adere a argamassa;
  • manchas, que quando se formam de forma sutil dão um charme especial à superfície,  mas em excesso podem dar a impressão de algo “mal acabado”.

Assim, ao fazer a aplicação do revestimento, é fundamental considerar as condições climáticas, já que se o dia estiver muito quente e com umidade relativa do ar baixa, podem surgir trincas. 

Além disso, se o período estiver muito úmido, pode ser que exista uma maior diferença de tonalidade, já que algumas áreas podem demorar mais para secar. 

Gostou de conhecer mais sobre o cimento queimado? Então, aproveite para entender porque a escolha do impermeabilizante mais eficiente para a sua obra é uma ação fundamental para garantir o sucesso dela.